E se a gente tivesse mais empatia?

Quando adolescente acabei dando muito ouvido para pessoas que me menosprezava – colocando defeitos na minha personalidade, no meu corpo, no meu cabelo e também no meu estilo. Sendo sempre subestimada. E tudo isso, acabou fazendo com que eu tivesse conflitos comigo mesmo, me tornando uma garota bem insegura e tímida. Até mesmo, me insolando das pessoas por causa da minha autoestima baixava, achava que conversavam comigo por pena. Quando percebi já estava até me auto-sabotando, e isso, começou afetar a minha vida em diversas formas. É muito complicado, quando você se tornar a sua pior inimiga, é algo muito exaustivo.

No fundo, eu sabia que o problema não era comigo, mas sim, com essas pessoas que tentava me diminuir. Então por que diabos eu dava ouvido para elas, eram pessoas tóxicas, que precisava inflar o ego para se sentir superior com a minha inferioridade. Veja só, com o passar do tempo parei de ligar com as críticas, elas sempre estão por aí. Eu vi que não adianta tentar ser perfeita, porque ninguém é, aliás, as pessoas se transformam constantemente. Tic tac tic tac.

Por que magoar alguém com palavras irracionais? Palavras machucam, ferem e sagram. Quando for dizer algo coloque no lugar da pessoa que vai ouvir, isso se chama empatia, quando você enxergar, além do seu umbigo. Aí você lembra, daquela velha frase que diz: “todo mundo está enfrentando uma batalha da qual não sabemos nada a respeito”. Ah, sabe de uma coisa? Não estamos aqui para ferir uns aos outros… Por que não ajudamos? 

Então, lá vai o meu conselho de hoje: Em vez de se incomodar com o que as pessoas dizem ou pensa sobre você, simplesmente ignore-as, talvez no começo, elas tentam te machucar, mas com o passar do tempo vão ver que não adiantar lança flechas contra você, porque elas vão atravessar o seu ser e nenhuma vai te ferir mais e, com isso, você vai sentir a sensação de liberdade.

16 situações pelas quais passam quem sofre de ansiedade

Porque a ansiedade não entra nas nossas vidas pedindo licença e perguntando se agora é uma boa hora… Aliás, quantas vezes você já passou por momentos difíceis, por causa, da sua ansiedade? Fique calma, eu sei como você se sente – e não é pouco! Se por acaso, você sofrer de ansiedade, com certeza, viveu algumas destas situações, vai se identificar. Quer ver?

1. Quando você não para de pensar em alguma coisa!

Acredite! As coisas ficam rodando na sua cabeça em looping infinito… Oh, meu Deus! Acho que vou ficar louca!


2. “Mandei mensagem tem quinze minutos e não me respondeu. Será que aconteceu algo?”.

Cérebro: Noticia ruim voar, NÃO aconteceu nada… Oi? Sou eu sua ansiedade, linda? Vai que o roubaram? Desmaiou na rua? Quem sabe foi sequestrado? Xôoo, TAG (Transtorno de Ansiedade Generalizada).


3. Também tem aquela hora que você tem que esperar! Seja alguém ou alguma coisa.

Quer saber? Eu não vou esperar nada, cansei! Mentira. Te que esperar é a morte para qualquer ansioso. Aff!


4. O que acontece quando você faz algum tipo de prova importante e ficar esperando o RESULTADO?

Hello, para que fazer isso com a gente? Moço, eu não paro de pensar nisso…


5. Afinal, tem o cansaço constante e sua cabeça parece que vai explodir.

Plmdds é praticamente impossível se desligar para dormi… Tipo, meu cérebro é um computador, que nunca é desligadooo. 


6. Oi? Você vai ter que falar em público.

Mesmo faltando uns três meses para acontecer, você já vai preparando o que vai dizer… E desejando, que o mundo acabe antes… Heeelp!


7. Que tal a ligação de um número desconhecido?

Não vou atender… “E se for alguma coisa importante?”. Mais um ponto para você ansiedade. #omg


8. E ter que resolver alguma pendência POR TELEFONE.

Já existe chat, e-mail, WhatsApp e também pode enviar por carta!


9. Sentindo alguma dor estranha? ESTOU MORRENDO, SOCORRO!

Alguém chama o SAMU, pelo amor de Deus.


10. “Será que eu tranquei a porta? E se eu não tranquei?”

Oh! Um ladrão vai entrar em casa e rouba tudo. Não leve a minha gatinha, por favor, moço!


11. Qualquer momento que exija decisão, mesmo que seja sobre coisas pequenas, pode ser bastante doloroso.

“E se for à escolha errada, isso pode afetar toda minha vida?”.


12. É fazer centenas de listas e não cumprir nenhuma

Aaah, eu juro… que mês que vem eu vou fazer qualquer coisa escrita nelas.


13. É precisar fazer tudo, mas não querer fazer nada.

Já tô indo! Mas… eu vou descansar só mais um pouquinho!


14. Se preocupa 24 horas com o futuro…

“E se?, eu não consegui realizar meus sonhos?”.


15. …E esquece de viver o presente!

Já passamos da metade do ano, e eu não fiz quais nada até aqui. Só falta cinco meses para o ano terminar? JESUUUS!!!

16. Você fica ansioso sobre ansiedade

Qual ansioso não sofre com sua própria ansiedade? Eu por exemplo, tento se proteger contra grandes picos de ansiedade (o que é bem louco), o que gera muito estresse. Ai meu Deus!!!

É não fácil para quem sofrer de ansiedade, mas não podemos deixar ela controlar nossas vidas. E claro, se está atrapalhando a sua vida, procure ajudar de um profissional!

E aí, você se identificou com algumas destas situações? Se sim, qual delas? Conta tudo nos comentários!

Não chore por quem não te ama

Bau6 (3)Ei menina, porque derrama lágrimas por alguém que não te ama? Que não valorizar esse sentimento tão lindo que você carregar ai dentro do peito, que é o amor. Sei que não é fácil esquecer um amor, mas será que vale a pena sofrer assim? Jamais se esqueça que o seu coração é como um jardim, quando pisam nele acabam machucando as flores existentes. Eu tenho certeza, que você não deseja isso para você, não é mesmo?

Talvez o seu erro seja pensar que precisa de alguém para ser feliz, não pense assim. Você precisa apenas está de bem com você mesmo, e nada mais. Não pense que não vai encontrar um cara como ele, esse é o propósito, encontrar alguém totalmente diferente dele. Por mais, que você não vê – você é incrível. Todos os seus defeitos na verdade são suas grandes qualidades. Antes de tudo, não mude quem você é por ninguém. Se ame mais um pouquinho. E nunca mais deixe nenhum idiota, pisa em suas flores, que é o seu coração – acalenta-o, com mais amor próprio.

Então, deixe esse amor no passado. Que tal viver mais o seu presente? Conhecer novos amores, aprender coisas novas e curtir mais a vida. Faça coisas que sempre sonhou em fazer.

E um dia o verdadeiro amor vai bate na sua porta. Vai tocar o seu coração e te puxar pela mão. E vai te mostrar que quem amar não faz ninguém sofrer. Porque o verdadeiro amor não é egoísta. E se por acaso, você sentir medo de amar de novo: tem amores que nós dar uma lição e outros ajudar a reviver.

Ei, menina. Enxugue essas suas lágrimas, de a volta por cima. E saia por aí, colorindo a sua  vida.

Desfazendo os nós e os laços

texto359Apaguei o seu nome do fundo do verso do meu caderno. Você deve achar que estou fazendo papel de uma adolescente dramática e boba. Eu só terminei o que você começou: que foi me apagar da sua vida. Eu sei, que não sou tão boa quanto você nesse quesito de esquecer as pessoas. É que eu acabo criando laços que são difíceis de consegui desamarra-los. Eu tenho essa perspectiva que as pessoas vão permanecer eternamente ao meu lado. Ás vezes esqueço que nem tudo depende de mim.

Eu só queria que você tivesse permanecido aqui, como em todas as noites que eu precisava de um ombro amigo, de alguém para dividir todos os meus segredos e medos. E você, acabou deixando eu construí muros sem alicerce. Acho que você já sabe como isso terminou? Na primeira ventania que deu, desmoronou. Só bastou um sopro para que tudo acabasse. Acho que esse amor só existia nos meus sonhos. Quem sabe nunca existiu você e eu? Era apenas você e você, e nada mais.

Mas não se preocupe comigo, que, devagarinho eu vou superando você. Eu vou me desfazendo de todas as lembranças que você deixou aqui. Vou apagando cada uma delas com uma borracha, como em um papel em branco, fingindo que nunca existiu.

Então término aqui, o que você não teve coragem de terminar. Aqui eu desfaço os nós, os laços e tudo que um dia pode de uma forma nos ligar. Espero que não seja tarde para você percebe isso, e se um dia, você senti a minha faltar, lembre-se: que o amor pode ser substituído e, você também.

Cultive o amor próprio. E o resto vem!

comportamento-amor-proprioDurante a fase da adolescência eu amava fica vendo fotos de modelos e famosas desejava ser como elas, tem o corpo, o cabelo e até mesmo a personalidade. Eu queria ser algo que não tinha nada haver comigo. Eu invejava as meninas da minha escola, eram todas lindas, cabelos impecáveis e o corpo escultural. Me sentia como se fosse um patinho feio (só que no desenho o patinho feio se transforma em cisne!). Considerava uma garota estranha, não feia, mas diferente. Mas eu gostava de ser como eu era magra, nem tão alta e nem tão baixa – altura mediana e com uma personalidade indefinida. Essa sou eu, nada e ninguém pode mudar o que eu sou. E foi exatamente há dois anos que venci essa fase da aceitação.

Sei que muitas meninas viver isso todos os dias com a não aceitação do seu corpo, seu cabelo, do seu rosto e até mesmo da sua personalidade. Tentando a qualquer custo se transforma em outra pessoa, ainda mais na adolescência onde a vida parece ser tão complicada. Você pode muitas vezes olhar no espelho e não gostar do que refletir nele.

Pare de dar ouvido ao que as pessoas dizem. Que você está acima do peso ou que está muito magra. Seu cabelo não ficar legal cacheado, não ficar bonita de cabelo alisado. E pra que raspou as laterais do cabelo? É tão feio! Você ficar estranha de cabelo colorido. Essas pessoas sempre vai achar um defeito para ficar te criticando, são inseguras com elas mesmas, não deixe que a opinião dos outros prejudique você.

Sabe quando a gente plantar uma florzinha e ficar regando, cultivando ela, até crescer e depois ela florescer? O amor próprio, tem que cultiva-lo todos os dias com muito cuidado, e assim, ele começa a nascer e depois vai florescendo.

Do que adianta você amar outra pessoa e não tiver o amor próprio? Talvez seja duro de ouvir isso, mas não queira que alguém te ame enquanto você não se amar. Porque o amor próprio, é isso, primeiro você se amar e depois amar alguém. É complicado? Não, não é. É egoísmo? Também não! É só o amor próprio. Esse é um dos primeiros amores que se deve ter na vida. Cultive-o, regue-o todos os dias e deixe que o resto venha. Comece amando cada um dos seus defeitos e veja que você é mais do que um espelho consegue refletir. 

E aí, vai viver nessa solidão?

texto492O café já estava esfriando. As janelas continuavam fechadas. O som estava ligado. Havia uma caixa de cigarro recém aberta na mesa. Era isso que ela fazia para não se sentir sozinha. O vazio que sentia preenchia com outras coisas mesmo sabendo que tudo isso fazia mal. Era um dos melhores jeitos.

Júlia se tornou uma garota fria. Já não sentia mais nada. Até a vida dela se tornou mais escura. O dia para ela tinha se tornado a noite. Nunca mais vir um sorriso em seu rosto. O que aconteceu com Júlia? É o que todos perguntam, mas foram todos esses que fez ficar amarga feito fel. Júlia tinha tantas decepções que o seu coração já tinha até congelado.

Júlia sentou-se a mesa. E começou a traga seu cigarro lentamente. Em seguida tomou um café amargo. Logo ela que odiava tanto café e ainda mais amargo. O único barulho que dava para ouvir era os seus suspiros.  Sua vida estava uma bagunça, mas do que a casa toda.

E aí, Júlia? Vai se tranca no seu mundo? E cada dia mais afundando em um poço sem fundo e destruindo você mesma? Observe o sol nascendo lá no horizonte. Olhe a imensidão desse céu azul. Veja todas essas nuvens. Você achar que tudo isso aparece à toa?

É por isso, que todos os dias Deus faz o sol nascer de novo.

Ele sabe que cada dia é um novo começo para poder recomeçar.

Aproveite essa nova chance que a vida te dar e viva intensamente. Não se prenda nessa escuridão. Jamais desista de você e muito menos dos seus sonhos. Então, abra a janela e deixe a escuridão ir embora, levando com ela essa solidão.

E aí, Júlia me diga, vai continuar observando sua vida passar?