Não precisa estar ao lado, para ser melhor amiga

texto-melhores-amigas-sempreEssa semana minha melhor amiga de infância veio aqui na minha casa. Por incrível que pareça, havia seis anos que a gente não se via e não tinha trocado nem telefonema e nem mensagem – já que não tínhamos o número uma da outra. Mas quando nós reencontramos de novo, parecia como se estivéssemos grudadas esse tempo todo. Sem cobrança nenhuma de ambas as partes por não ter dado notícias. Somente nos abraçamos e rimos como se não houvesse o amanhã. Aliás, o que bastava é apenas a companhia uma da outra.

Se dependesse de mim a gente nunca tinha ficado tanto tempo longe assim. Porém, a vida acabar nós obrigando a trilha caminhos diferentes. Tem os que permanecem e os vão em buscar dos seus sonhos, às vezes, é quilômetros e mais quilômetros de distância. E o que restava, era aprender a conviver com a saudade. E teve dias, que não cabia mais no coração e, acabava escorrendo pelos olhos.

Você se lembra? Juramos de dedo mindinho que seríamos amigas para sempre. E, quando brigávamos porque nós duas queria ser a Roberta, do Rebelde. Também dividimos os lanches na hora do recreio. E todas as nossas discussões por causa de ciúmes bobos. Ou quando colávamos na escola uma da outra. As professoras de colocava a gente do outro lado da sala pra ficar longe, mas não adiantava de nada, continuávamos conversando por aviãozinho ou bolinhas de papeis – já que naquela época ninguém tinha celular. E que saber? Esses momentos foram o que tornaram a nossa amizade ímpar.

A nossa conexão era tão boa, que não precisava falar nada, apenas um olhar já dizia tudo. E como dois baús, a gente compartilhava todos os segredos (engraçado, que nada mudou até hoje), também os medos e os sonhos. Sentir saudades do seu abraço de urso, das nossas risadas e também das nossas briguinhas infantis. Diga-me, o que é duas amigas sem discussões?

Porém, um dos meus maiores medos que você não sabe é, que, quando a gente se reencontrasse de novo (depois de tantos anos). As nossas conversas fossem rasas, com apenas, “oi tudo, bem? Tudo e você? Também… Silêncio.” e, que terminassem assim que começassem. Então, os nossos caminhos se encontram. Vi que aquela amizade de infância continuava ali, porém, um pouco mais madura. Também notei, como se o tempo havia parado pra gente, como se aquelas duas crianças ainda existisse.

Eu compreendi que amizade não é quem estar ao seu lado em todos os momentos, mas, quem vai embora e quando volta tudo continua como era antes. O amor, a cumplicidade e a irmandade. Porque colegas a cada esquina a gente pode fazer uma, porém, amiga é um presente que a vida nos dar.

Sei que as estações vão mudar e os anos vão passar, mas que a nossa amizade vai durar pra sempre. E quando os nossos caminhos se desencontrarem de novo, tenha certeza, que o destino vai uni-lós.

De amiga para amiga

texto432Ouvi dizer que você não estava bem. Viver chorando pelos cantos e que aquele sorriso contagiante havia desaparecido. Me contaram que está vivendo dias tumultuados na sua vida. Você sentir vontade de jogar tudo pro alto e sair por ai sem rumo. Desistiu de cada um dos seus sonhos. Até mesmo os mais importantes, aqueles que você anotava no seu diário. E eu fiquei imaginando o que aconteceu, com aquela garota que eu conheci há alguns anos atrás. Destemida e que enfrentava todos os problemas.

Eu te peço, imagine que esses dias tempestuosos é apenas chegada do seu arco-íris, lá na linha do horizonte. Sei que em momentos difíceis é impossível ver um fim na tristeza, porém, nada é eterno. Nem mesmo a sua angústia. E toda vez que amanhecer, abra as janelas e se irradie junto com o sol e na noite, brilhe junto com as estrelas. Jamais permita que alguém apague o seu brilho.

Só queria me teletransportar até você. Queria está ao seu lado e dar um ombro para você chorar. Queria pode ter abraçar forte e dizer – você não está sozinha. Apesar que a gente tenha se afastado, eu ainda estou aqui pra te proteger de todo o mal do mundo. Estou aqui pra cuidar de você. Porque não importar o que aconteça, eu sempre pedirei a Deus que te proteja.

Eu amo você, da forma mais sincera que existe. Independente de tudo, nenhuma distância separar uma verdadeira amizade. Eu quero que você entenda mesmo não estando ao seu lado, você está no meu coração. Ocupando um dos lugares mais importante nele. Assim como sei, que, também estou no seu.

Você merece mais do que isso

texto-amor-tristeza-sentimentoVocê não merece um amor pela metade. Você não merece borrar sua maquiagem por alguém que te fez sofrer. Alguém que nem ligar para sabe como você está. Você merece mais do que isso.

Você merece alguém que te ame de verdade, que lutar por você sem medir as consequências. Alguém que pegue o primeiro voo para te encontrar, que atravessa qualquer oceano apenas para ver o seu sorriso. Você merece alguém que não tenha vergonha de dizer que te amar. Que despensa qualquer festa para ficar com você. Alguém que segure a sua mão e que leve para te apresentar para os pais. Alguém que pense em você a cada instante, que te ligar ao invés de mandar uma sms. Que mostrar um futuro que ninguém mais ofereceu. Que te ajudar a conquistar seus sonhos. Você merece alguém que te faça sentir especial.

Você merece alguém que te tragar um buque de flores roubado do primeiro jardim que encontrar, que te escreva um simples bilhete apenas para dizer que te amar. Que perceba quando você estiver triste e, que te levanta quando o seu mundo estiver desabando, te abraça, e que diga: eu estou com você! Você merece alguém que seja o seu confidente e que te proteja. Que seja seu melhor amigo antes de ser seu companheiro. Que seja íntimo de suas manias e compreensível diante de suas imperfeições suportáveis.

Você merece alguém que saia por aí gritando aos quatro cantos do mundo que te amar, que não tem vergonha de dizer o que sente. Você merece alguém que valoriza cada defeito seu. Você merece alguém que te completa. Que te ame por inteiro. Porque amor quando é amor, é sentido lá no fundo do peito.

Eu não fui o amor da sua vida

texto415Foi ali que tudo acabou. Bem onde tudo tinha começado. Eu o conheci pela primeira vez. E foi ali naquele mesmo lugar que eu o vir pela última vez. Ainda consigo me lembrar das suas últimas palavras que me disse antes de ir embora – que o amor que ele sentia por mim, acabou. Que o que ouve foi uma grande ilusão, foi um erro. Somos diferentes igual yin yang. E o pior ele teve coragem de dizer que não me merecia. Eu queria sumir sem deixar rastro nenhum. Só queria sair correndo. Ou apenas evaporar igual partículas. Eu desejava que aquilo tudo fosse um sonho, mas era a minha realidade. Não sair correndo, eu a enfrentei.

Foi difícil conte as lágrimas, conforme cada palavra que eu lembrava que ele tinha dito. Sentia que cada lágrima que escorria era o meu coração se despedaçando. Acabei depositando amor demais e acabei esquecendo que o amor pode acabar… Esse foi um dos meus piores problemas cresci achando que o amor pode ser eterno. Algumas pessoas tem sorte, ás vezes ele dura meses, anos e até décadas.

Acabei percebendo que tudo que ele tinha me dito fazia sentido. Eu não era o amor da sua vida. Talvez eu soubesse disso, mas acabava tampando o sol com uma peneira. Só queria acreditar que era ele. No fundo eu sabia que não, ele não era o amor da minha vida. Mas eu o amava, e queria insistir nesse amor. Esse é o maior erro que possa existir, querer insistir em algo que não existe mais, que talvez não tenha existido.

Já tem um tempo que não ouço mais falar dele. Desconectei dele. Excluir de todas as minhas redes sociais. Hoje eu não lembro nem mais do sorriso dele e muito menos do cheiro do perfume. Não o odeio. E também não o desprezo, mas essa foi à melhor forma de esquecer ele.

Evito passar por esse lugar. Porque tenho medo de encontrar com ele de novo. Não que eu não tenha perdoado. Eu o perdoei. É difícil pra mim cumprimentar com um sorriso ou um simples “oi”. Alguém que um dia eu amei.

Saudade…

texto359 Saudade… Não consigo entender como uma palavra tão simples, só de ouvir é tão dolorida. Nada nesse mundo tem mais toneladas do que a saudade, nada. Saudade é uma dor imensurável e sufocante presente em cada hiato. É sentimento que esmaga o peito como se fosse concreto. A saudade é a vírgula quilométrica, sem ponto final. Se existe algo pior que saudade, por favor, não me apresente. Eu não quero conhecer. É algo difícil de explicar quando você menos pensar já está com saudades de algo ou alguém. Não importa de quem seja. De um ex- namorado, de um amor que já partiu, de uma amiga que não conversa mais, de um parente que se foi, dos amigos de infância, dos momentos que não vão existir nunca mais. E tudo resolver ir embora, menos a saudade, ela fica. Não tem como ela insiste em ficar, é algo que não conseguimos nós livrar. Ela é persistente, vai insisti em ficar, e vai sempre fazer lembrar de momentos que nunca mais vai existir.

Ela é devastadora, quando você menos imaginar ela vai entrar na sua casa sem ser convidada, vai te fazer abrir álbuns de fotografia, sentir cheiro do perfume de alguém, lembrar de sorriso, e um abraço, até um simples “oi” ela é capaz de te fazer lembrar. A saudade transforma qualquer música em motivo para pensar naquilo que partiu. Ela é assim, não ligar para o que você irá sentir. Ela doer, destrói, não, ela não ligar se vai te fazer sofrer. Talvez ela não seja a vilã da história, com a saudade aprendemos a dar valor nas coisas e pessoas. Ela nos ensina da forma mais dolorida, que em um minuto nós temos, e em segundos podemos perder. Ela mostrar que quando não sabemos valorizar virar apenas lembrança. E lembranças, lembrar saudade. Saudade ela relembrar o passado, desfocar o futuro e congela o presente. Desconheço alguém que não tenha sofrido com a saudade.  Não tem como proteger dela, ela sempre ira existir, queira você, ou não. 

Só não se afete com a saudade, sinta ela, mas lembre – se, que se foi para nunca mais voltar, apesar de tudo junto dela sempre vem recordações boas. O passado ficou lá atrás, e a saudade ficou junto com ele. Ela é persistente sempre vai querer voltar. Mas lembre – se, quem tem a chave de casa é você, e não ela.

O depois da despedida

texto310O seu nome ecoou pela casa afora achava que tinha alguém aqui comigo, mas não, era apenas eu e a solidão, aqui nesse quarto tão frio. Existia algo que parecia que queria me fazer lembrar de você. Achei que seria fácil para mim te esquecer, mas vi que não. Percebi que o tempo vai passando e cada dia a saudade aumenta mais e mais. O meu maior problema foi em acha que eu te esqueceria fácil, que iria conhece pessoas novas e elas poderia te substituir. Eu não consegui rasga suas fotos, eu não conseguir se livrar de nada que me faça recordar de você. A sua estante de livros está do jeito que você deixou, não tirei nada do lugar, e nem queimei.

Acho que não estou preparada psicologicamente para uma despedida. É tão duro ouvir de quem a gente amar um adeus, parece que o significado dessa simples palavra é “até nunca mais” ou “te vejo daqui alguns anos, quando estiver casado e com uma linda família.” Sim, eu planejava fazer parte dessa linda família. Acho que isso não vai rolar. Mas tudo bem, quem sabe um dia o tempo não me ajude a te superar. Enquanto isso, não me acontece prefiro ficar aqui deitada nessa cama, e viver um pouco esse momento de nostalgia. Esse momento de você , sentir falta do seu cheiro, do seu beijo, do seu abraço, do seu sorriso, do seu colo, sentir apenas a sua falta.

Ás vezes eu imagino o nosso possível reencontro. Fico parada imaginando o que eu poderia te dizer; acho que apenas, que me desculpasse por eu te deixado você ir embora da minha vida, sem ao menos dizer que eu ia sentir muita sua falta. Não poderia te deixado você sair pela aquela porta. Mas, eu achei que depois da nossa despedida, você não ia significa mais nada para mim. Mas, eu percebi que tentar te esquecer é como tentar apagar uma tinta de caneta de uma folha de papel, com um pedaço de borracha. É impossível apagar o passado. E você faz parte desse meu passado. Um passado que eu não quero jamais esquecer. Apesar de todas as nossas brigas, e o fim de tudo, eu ainda acreditava nesse nosso amor. Ta ok, eu ainda acredito, até hoje.

Caso um dia você quiser me reencontrar, vou ficar bem aqui no meu cantinho te esperando. Você saber onde eu moro, o meu endereço, e o telefone. Mas se acaso você demorar, pode ser tarde demais. Eu já posso te superado essa sua ausência.