Por um amor recíproco

amor-recíprocoEla excluiu seu número do celular e apagou todas as mensagens que você havia enviado. Rasgou todas as fotos do mural de fotografias e deletou cada uma delas do Instagram. Desfez amizades com pessoas que os ligavam de alguma forma, somente para não ter nenhuma notícia sua. Ela quer começar uma nova fase na própria vida e você não está incluído, nesses novos planos. Consequentemente ela decidiu te esquecer, do mesmo jeito, que você sempre fazia questão de deixá-la de lado em sua vida. Sabe de uma coisa? Ela cansou de amar por dois.

Ela queria que você segurasse a mão dela perto dos seus amigos. Demostrasse mais afeto. A levasse para o lugar mais alto da cidade para ver o pôr-do-sol. Que curtissem mais momentos juntos. Preocupasse com seus medos e que fosse seu porto seguro. Desejou que se importasse mais com os sonhos que ela compartilhava com você. Confiava tanto em você que, acabou despindo a própria alma, em um amor de merda.

Você vai descobrir com o tempo que perdeu alguém que te amou de verdade. Uma pessoa extraordinária, pena que será tarde demais. Você vai a ver conhecendo outros caras, irá sentir como uma facada no peito, ainda mais quando ela te tratar com indiferença. Que para ela, você realmente deixou de fazer diferença. Ela quer ser feliz e não permitirá sofrer por mais nenhum amor vazio, ainda mais se for vindo de você, que feriu profundamente o que ela sentia.

Mais ela ainda continuar acreditando no amor, ainda mais quando vê histórias de casais que estão juntos quase a existência toda. Ela continua acreditando em cartas escritas a mão, declarações, histórias, loucuras, romances clichês e tudo que o amor pode envolver. E com você foi apenas uma chuva de verão.

Ela só quer um amor recíproco. Alguém que vai amá-la intensamente. Que irá partilhar cada um dos momentos que viver com ela. Vai ligar só para ouvir a sua voz e dizer que a ama. Pode parecer algo bobo, mas para ela é como se desse os anéis de Saturno. Logo então, você vai ouvir a canção favorita dela, entenderá que era para você, principalmente, aquele trecho que falar: “que realmente não creio que você seja tão forte assim…”. E aí você vai compreender, no final das contas, você que terminará sozinho.

Aliás, espero que você não se arrependa. Porque será tarde demais.

Quando a maturidade insiste em bater na porta

comportamento-texto-inspiração-11Você acordar e vê que não é mais aquela criança que os pais resolvia todos os problemas. Acabar dormindo no sofá e amanhece nele. Já começa a diferencia colegas de amigos. Esconder os segredos e os medos dos outros. E aprender a confiar em poucos. Descobre que coração despedaçado é leveza quando se está na entrando na fase adulta da vida. Então você começa a perceber que o Peter Pan não era um garoto egoísta, mas sim, altruísta. Ele sabia que a vida de adulto não é nada fácil – responsabilidades, horários, prazos e problemas para resolver. Como foi um garoto esperto criou o seu próprio mundo, conhecido por muitos como a Terra do Nunca, onde continua criança pelo resto da vida. Imagina só viver em um lugar assim? É, talvez Peter Pan tenha esquecido-se da gente.

Mas não tem como mudamos o ciclo. Precisamos crescer e descobrir novas coisas. Viver novos amores, quebrar á cara, errar, aprender com os erros. E um dia olhar pra trás e ver que tudo que conseguimos viver valeu a pena.

E hoje eu completo 21 anos, e foi por isso que resolvi escrever esse texto. Estou perdida nessa vida de adulta. Não sei que faculdade cursa, mas eu não quero fazer algo só pelo dinheiro, e sim, pelo amor. Acho que uma das piores coisas e ver que o seu verdadeiro sonho, você o deixou esquecido em uma gaveta qualquer, para se jogar em algo que você nunca sonhou – apenas pelo financeiro. É algo deprimente que eu não quero pra mim. E às vezes, pessoas querem cobrar isso de você. É fácil para as pessoas dizerem o que fazer, quando não está no seu lugar.

Mas devagarzinho a maturidade insiste em bater na porta, mas, isso é o de menos. Têm jovens que são maduros desde os 16 e, outros até depois da velhice não tem nenhuma maturidade. É isso que temos que aprender, e na vida, não somos obrigados a nada. E muito menos ter a famosa maturidade que muitos adultos acham que cair do céu. A maturidade é apenas um aprendizado das coisas que você vai vivendo.

E vou devagarzinho remando o meu pequeno barquinho e tentando me encontrar nas águas turbulentas, mas, essas águas turbulentas, é a vida adulta.

Estrelas

texto-estrelaOntem eu observei as estrelas no céu. Em meio aquela escuridão toda, elas conseguem ilumina a terra aqui em baixo. E com toda essa imensidão do universo, elas têm o seu próprio brilho. Observando daqui elas são tão pequenas, porém, lá em cima tão grandes. Umas brilham mais do que as outras, mas nunca, deixam de ofuscar umas as outras. Porque cada uma delas sabem o tanto que são importantes para forma esse espetáculo todo no céu.

Reparei que elas representam os sonhos. Com todo o brilho. Alguns sonhos são assim (encantador, distante, porém perto…). É isso, cada estrela carregar um sonho de alguém com ela, sonhos que foram destruídos, estão distantes ou que nunca foram alcançados. Só que no meio daquilo tudo algumas se encontram sozinhas, como muitas pessoas, só, que não deixam de brilhar. Então, as estrelas acabam me ensinando – mesmo estando sozinha continuar brilhando.

Olhar para um céu estrelado é isso, sentir paz. Você ver a imensidão do universo. E percebe que não está sozinho. Em algum lugar do mundo tem alguém agora olhando uma estrela.

Talvez seja por isso, que Deus, mantém um céu estrelado. Ele sabe que em cada uma delas vive o sonho de cada um de nós.

Agradeço, por elas está ali, mesmo não conseguindo alcançar.

Eu sabia que a minha estrela brilhava em algum lugar daquela imensidão, mais conhecida como universo. Caso eu não encontre a minha, não importa, o céu tem milhões e milhões de estrelas e cada uma representa um sonho para se realizar.

E se?

texto-sentimentoE se eu não tivesse desistido no primeiro obstáculo? E se tivesse arriscado mais? E se tivesse dito tudo que sentia? E se eu não tivesse escondido tantos sentimentos? E se eu tivesse perdido desculpas? Tivesse confiado mais nas pessoas? E se tivesse amado mais? E se eu tivesse aproveitado mais a vida?

Esse é o nosso maior erro, somos feitos de incertezas, temos muito medo de se arriscar. O que resta é apenas colocar um ponto de interrogação e fica imaginando tudo que sonhava fazer. E quais caminhos algumas escolhas poderia ter levado?

Eu não te julgo, porque sou cheia de incertezas na vida. Sofro ás vezes para descobrir o que eu quero da vida. Já pensei em tantos cursos de faculdade para fazer e acabei desistindo de todos. Minha família já trilhou vários caminhos para mim. Só que eu não quero fazer algo, que eu não desejo. Com o passar dos anos você acabar aprendendo que nem tudo é fácil. Certas escolhas pode mudar a vida por completo.

Não quero olhar pra trás e ficar imaginando as coisas que eu não tentei. Ou porque, fiquei com medo de se arriscar. Nem que eu tenha que, quebrar a cara, uma, duas, três ou quantas vezes for preciso. Só não vou cruzar os braços e ficar observando tudo como uma espectadora. Quero ser a roteirista da minha vida e quero ter o papel principal.

Eu não quero fechar meus olhos e todas as noites ficar me perguntando: E se?

Não tente decifrá – la

texto287Ela era tímida não costumava olhar as pessoas nos olhos e, sempre desviava o olhar para não te que encarar. Ela era uma quebra cabeça, ninguém conseguia decifrar o que ela sentia – tenho certeza que nem ela mesma sabia. Ela escondia o melhor dela dentro de uma camisa e uma calça jeans. E sempre com um fone de ouvido. E todos os dias ela colocava sua armadura – para muitos é um sorriso, mas para ela é uma grande armadura. Ela não demostrava sentimentos, muitas das pessoas achava que ela era fria, mas ela nunca ligou para o que as pessoas pensava dela. O garoto que ela gostava nem sabia de sua existência. Sentia que era invisível para o mundo. Às vezes ela queria evapora, dar um tempo, sair por aí!

Tinha poucos amigos, talvez um ou dois, mas para ela significava muito. Ela nunca ligou de ter vários amigos, para ela o importante era a qualidade e não quantidade. Guardava a sua tristeza dentro do bolso para fazer os amigos felizes. Ninguém sabia quando ela estava triste, sempre tinha um lindo sorriso que contagiava todos. Ela era um enigma. Misteriosa como uma ventania, você nunca sabia da onde ela surgia. Sentia que carregava o mundo nas costas (me diga quem nunca sentiu assim antes?). Porém, com toda a sua fragilidade ela era muito forte mais do que as pessoas imaginava. Ás vezes o mundo dela desmoronava e, então, corria para um lugar que ninguém fizer ela chorando, mas logo ela se recompõe. E está de novo com um lindo sorriso no rosto.

Nunca diga que ela é fraca, você não sabe quantas vezes o mundo dela desmoronou e ela continuava sorrindo. Você não sabe quantas vezes ela quis ser desligar do mundo, e continuava lutando. Porque ela acreditar nela, acredita que todos os seus sonhos no final vão se realizar. Ela aprendeu a cair e se levantar em um segundo. Ela aprendeu que sempre as pessoas que significa muito, podem decepcionar muito também, mas do que possa imaginar. Aprendeu que não é porque ela gosta de alguém, que essa pessoa vai se apaixonar por ela. Aprendeu que a jornada vai ser longa, o universo vai conspirar contra ela, mas vai seguir firme e em frente. Por favor, só não diga que ela é fraca.

Mas encanto isso ela continua com sua camisa e seu jeans surrado. E com fone de ouvido, e assim, ela vai ser desligando das pessoas em sua volta. Ela é comum, cheia de defeito, porém diferente. E que poucos vão te o prazer de conhecer. Mas se um dia você a conhece – não tente decifrá – la, ela é indecifrável.