Acredite em si mesmo

texto-blogExiste um muro gigante entre você e seus sonhos. Um muro tão alto que tem medo de subir e cair lá de cima, e então, só observar ele. Lembre-se: para chegar aos seus sonhos é preciso arriscar-se.

Todos os dias você passar por ele e ver que ao mesmo tempo em que está perto, está longe. Um certo dia resolver se a próxima dele, mas, só ficar observando o tanto que é alto e, nunca vai conseguir chegar no topo, em seguida, desistir. A rotina do dia a dia continua e a noite vem o cansaço. E no seu sonho você consegue escalar aquele muro. Nem foi tão difícil assim como você imaginava. Foi só um sonho, e nos sonhos sempre conseguimos o que queremos.

No outro dia, você chegar mais perto daquele muro e tenta subir e logo cair na primeira tentativa. Achar o melhor a se fazer é nunca mais tentar subir naquele muro. Uma voz no seu subconsciente diz que você consegue, porém, você prefere ouvir a voz da razão. E pronto, já desisti. Mas, quem ligar para razão?

Então, você continuar tentando subir o muro e dessa vez cair e se machucar, mesmo assim você não desistir. Pessoas passam e diz que você não é capaz suficientemente de chegar até lá. Isso lhe dar mais força para conseguir alcançar seu objetivo, e mostra que você é capaz de conseguir realizar os seus objetivos.

Você correr na direção do muro. Você sobe na primeira vez e cair, na segunda, na terceira e já na quarta consegue ir subindo, subindo e subindo. Repara que falta pouco para alcançar o seu sonho e de repente, já está lá.Você tem a satisfação de olhar lá pra baixo e ver que vista maravilhosa que você estava perdendo.

Mesmo com arranhões, machucados e cada esforço você viu que valeu a pena. Porque, quando a gente deseja algo, não existem obstáculos nenhum que não conseguimos vencer. Agora eu te pergunto: Você se arriscaria subir no muro ou passaria todos os dias perto dele imaginando o que poderia haver lá do outro lado?

Estrelas

texto-estrelaOntem eu observei as estrelas no céu. Em meio aquela escuridão toda, elas conseguem ilumina a terra aqui em baixo. E com toda essa imensidão do universo, elas têm o seu próprio brilho. Observando daqui elas são tão pequenas, porém, lá em cima tão grandes. Umas brilham mais do que as outras, mas nunca, deixam de ofuscar umas as outras. Porque cada uma delas sabem o tanto que são importantes para forma esse espetáculo todo no céu.

Reparei que elas representam os sonhos. Com todo o brilho. Alguns sonhos são assim (encantador, distante, porém perto…). É isso, cada estrela carregar um sonho de alguém com ela, sonhos que foram destruídos, estão distantes ou que nunca foram alcançados. Só que no meio daquilo tudo algumas se encontram sozinhas, como muitas pessoas, só, que não deixam de brilhar. Então, as estrelas acabam me ensinando – mesmo estando sozinha continuar brilhando.

Olhar para um céu estrelado é isso, sentir paz. Você ver a imensidão do universo. E percebe que não está sozinho. Em algum lugar do mundo tem alguém agora olhando uma estrela.

Talvez seja por isso, que Deus, mantém um céu estrelado. Ele sabe que em cada uma delas vive o sonho de cada um de nós.

Agradeço, por elas está ali, mesmo não conseguindo alcançar.

Eu sabia que a minha estrela brilhava em algum lugar daquela imensidão, mais conhecida como universo. Caso eu não encontre a minha, não importa, o céu tem milhões e milhões de estrelas e cada uma representa um sonho para se realizar.