Você não apareceu na primavera

texto998Eu adorava deitar nos seus braços e ouvir Legião Urbana e ficávamos cantarolando cada trecho. Ás vezes, dançávamos no meio da chuva, sem música nenhuma. Foi em um dia de outono você resolveu partir e prometeu que voltaria na primavera. No dia seguinte, comecei a cultivar flores e todas as manhãs cuidava delas. Os dias iam passando e as flores começavam a nascer. A primavera vinha se aproximando. Eu corria para janela e ficava te esperando. E a quem dizia que você não voltaria, e, eu torcia o nariz, mas lá no fundo, eu tinha medo que isso acontecesse. Então a primavera chegou e as flores do jardim começaram a florir, e, todos os dias eu te esperava. Mas os dias foram passando e a primavera foi indo embora. E as flores do jardim começaram a morrer, e por fim, morreram.

Te esperei em todas as estações. 

Dois anos se passou e você conheceu um novo amor e seguiu outro caminho.

Hoje enquanto caminhava no meio do jardim que um dia existiram flores. Acabei percebendo que as flores foram iguais ao nosso amor, acabaram morrendo. Não é porque eu sentia tantas coisas especiais que você sentia o mesmo. Aliás, me joguei de cabeça, mergulhei de corpo e alma. Acabei plantando amor em um coração vazio, e o que restou colher, foi dor.

A partir de agora, vou plantar flores para mim. Regá-las e cultivá-las todos os dias. E como uma borboleta no jardim, um dia vai aparecer alguém que vai me ajudar a colher cada uma delas.

Segure a minha mão

texto845Moço venha comigo, não tenha medo. Segure forte a minha mão. Juro que não vou soltar a sua. Sei que o seu coração é frio, que ai dentro não tem moradia para ninguém. Sei que todos os seus amores nunca deram certos, mas eu quero ser diferente. Eu não quero ser como o resto. Eu quero fazer parte da sua vida. Dividir momentos bons e ruins – espero que dividimos mais momentos bons. Quero está nos planos do seu futuro e fazer parte de todo o seu passado. E que você faça parte dos meus.

Não, eu não te culpo. Infelizmente a vida não vem com um manual de instruções, e nem com uma bula de remédio, e muito menos com dicas de como aprender a amar. Seria muito bom se fosse assim, né?, só peço que não tenha medo de amar, não feche as portas do seu coração para um novo amor. Não é porque não deu certo com alguém antes, que não pode dar agora. Acabamos aprendendo com o tempo. Quebramos a cara. Arriscamos em amores errados. E aprendemos, que nem todos relacionamentos são duradores. Mas esse não é um motivo para você desistir do amor.

Eu vou está do seu lado para segurar sua mão. Venha sem medo. Sem receio. Segure a minha mão o mais forte que você puder. Te levarei comigo. O mundo pode ser nosso se você quiser? Podemos viver o nosso mundo. Onde o nosso amor nada e nem ninguém vai conseguir destruir. Prometo que eu nunca vou te magoar. Vou te mostrar que vale muito a pena se apaixonar.

Eu só te peço, por favor, não tenha medo de amar.