Nostalgia: músicas que vale a pena ouvir de novo

A internet é um meio de divulgação mais usada atualmente. E disso ninguém discorda, certo? Hoje em dia é um grande “empurrãozinho” para bandas e cantores independentes. Porém, antigamente não era bem assim, os artistas batalhavam muito para ter suas músicas reconhecidas e tocadas em rádios que, ás vezes, com sorte entrava nas paradas de sucesso do mundo inteiro. E, provavelmente, essas músicas seus pais ouviram muito durante a juventude. Quem sabe você não acabou ouvindo algumas delas? Com o intuito de ouvir canções que um dia fez tanto sucesso e marcou vida de muitas pessoas, resolvi fazer um breve flashback! Olha só, alguns clipes que valem a pena ouvir, dançar e cantar de novo. <3

  • Cher – Believe

Cher é uma das maiores ícones da música pop! <3 Believe foi um dos primeiros hits pop a usar auto tune e correção de tom para efeitos na voz. Cher pediu para o co-produtor Mark Taylor para introduzir um elemento semelhante em “Believe” e ele mexeu nas máquinas do estúdio, criando aquele som robótico da faixa. Cher ficou satisfeita, mas encontrou resistência na gravadora, que hesitou em lançar uma música que mascarava a sua voz tão reconhecida. O mais legal é que a música alcançou o 1º lugar (RAINHA!) do Hot 100. Também se tornou a música de 1999 e ganhou um Grammy por Melhor Gravação Dance.

  • Cyndi Lauper – Girls Just Want To Have Fun

Girls Just Want To Have Fun é uma música anos 80 interpretada pela cantora americana Cyndi Lauper. está no álbum de estreia de Cyndi Lauper She’s So Unusual (1983) e foi a canção de maior sucesso de Cyndi Lauper. A música foi escrita e cantada por Robert Hazard. Foi originalmente escrita a partir de um ponto de vista do sexo masculino. Para sua versão, Cyndi Lauper modificou ligeiramente a letra, sintetizado-a como um “hino” sobre o papel feminino na sociedade, e é considerado um clássico da era feminista.

  • Roxette – It Must Have Been Love

“It Must Have Been Love” é uma música composta por Per Gessle e lançada pela dupla pop sueca Roxette. Comercialmente, é seu single mais bem-sucedido nos Estados Unidos. Embora originalmente não fizesse parte de qualquer álbum do Roxette, “It Must Have Been Love” foi lançado como single em 23 de novembro de 1987 apenas na Suécia com o título “It Must Have Been Love (Christmas for the Broken Hearted), em seguida, lançada internacionalmente, em 1990, a partir da trilha sonora do filme Pretty Woman (Uma Linda Mulher).

  • Always – Bon Jovi

O sucesso do single fez com que a banda gravasse um videoclipe da canção. O clipe pode ser considerado um clichê do hard rock, por mostrar no decorrer do vídeo um casal dentro do carro dirigindo para o além e passando por diversas situações. Always é um clássico do gênero e fez muito sucesso na época. Foi incluída no álbum Cross Road (1994). Dizem que Bon Jovi escreveu essa música para o filme Romeo is Bleeding (de 1993, não assistir), mas parece que o Jon Bon Jovi, não curtiu o filme e decidiu manter a música na prateleira até que lembrou dela ao lançar o álbum. Always, que foi e, ainda é, um hit instantâneo. Uma canção com a letra romântica, dramática e gruda na sua cabeça. E muito gostosa de ouvir, claro!

  • 4 Non Blondes – What’s Up

Foi escrita por Linda Perry, a vocalista da banda, enquanto que a produção ficou a cargo de David Tickle. A sua gravação decorreu em 1992. Deriva de origens estilísticas de rock alternativo e blues rock. Liricamente, o tema descreve alguém que está entediado, esperando que algo aconteça, e reza para Deus por uma revolução em sua vida. A canção obteve um grande sucesso em países da Europa. E também fez parte de um cena da série da Netflix: Sense 8.

  • Madonna – Like A Prayer

Um dos singles mais controversos e brilhantes da carreira da Madonna. Lançado 1989, foi mais uma parceria de sucesso entre Madonna e o produtor Patrick Leonard, que já havia produzido várias faixas do álbum “True Blue”. A letra foi inspirada na criação católica que Madonna teve, embora deixe muitas dúvidas se fala sobre sua relação com Deus ou sobre o amor, aliada com uma mistura de guitarras, teclados e um coral de igreja, foi a fórmula perfeita para que música estourasse nas paradas de sucesso do mundo todo. Aclamada pelo público e pela crítica, a música é considerada uma das melhores de toda a carreira da Madonna, e prova disso é que ela está sempre presente nas turnês da cantora, e mesmo na era digital, virou um best seller, vendendo mais de 400 mil downloads.

Muita música boa, né? São clássicos atemporais – não importa quantos anos passem, nunca vão deixar de fazer sucesso, passando de geração em geração. Já sentiu saudades de uma época, que você não viveu? Pois é, sinto assim quando ouço cada uma dessas músicas. Se você tiver mais alguma pra indicar, é só conta nos comentários!

Músicas que as letras dizem tudo sobre o amor

músicas-letras-romanticas-de-playlistExistem músicas que contém letras apaixonantes. Quando você ouve dá até uma aquecida no coração. Já sentiu algo assim? Ainda mais músicas que falar sobre o amor. Nem precisa está amando para se derrete com a letra – às vezes, apenas com a melodia já aflora a alma. São letras com grandes poemas e faz você querer filtrar cada trecho. Aposto que alguma delas vai fazer você reviver algum amor antigo ou atual. Então, nada melhor que músicas que tem letras sutis e tocantes. Aperta o play e curta cada estrofe – aposto que vai te deixar mais leve! <3

  • All Of Me – John Legend

Cause all of me
Loves all of you
Love your curves and all your edges
All your perfect imperfections
Give your all to me. I’ll give my all to you
You’re my end and my beginning
Even when I lose I’m winning
‘Cause I give you all of me
And you give me all of you

Tradução:

Porque tudo em mim. Ama tudo em você
Ama suas curvas e todos os seus limites
Todas as suas perfeitas imperfeições
Dê tudo de você para mim. Eu darei tudo de mim para você
Você é meu fim e o meu começo
Mesmo quando perco estou ganhando
Porque te dou tudo de mim
E você me dá tudo de você

Essa música destrói sentimentos de qualquer pessoa, né? Até mesmo quem não está apaixonado se apaixonar. Acho que é uma bela canção para um casamento ou algo bem romântico. Têm uma letra impecável que descrever bem o amor. Essa versão do clipe é minha favorita! <3

  • Jason Mraz – Love Someone

When you love someone
Your heartbeat beats so loud
When you love someone
Your feet can’t feel the ground
Shining stars all seem
To congregate around your face
When you love someone
It comes back to you

Tradução:

Quando você ama alguém
Seu coração bate tão alto
Quando você ama alguém
Seus pés não conseguem sentir o chão
Estrelas brilhantes se reúnem ao redor do seu rosto
Quando você ama alguém
Isso retorna para você

Outra canção que retratar o amor perfeitamente! Ainda mais na voz de Jason Mraz, não poderia ser um verdadeiro hino romântico. Como diz a letra: o coração bate mais forte e traz sensação de flutuar.

  • Rita Ora – Poison

I pick my poison and it’s you
Nothing can kill me like you do
You’re goin’ straight to my head
And I’m headin’ straight for the edge
I pick my poison and it’s you

Bittersweet ecstasy that you got me in
Fallin’ deep, I can’t sleep tonight
And you make me feel like I’m out of my mind
But it’s alright

Tradução:

Escolhi meu veneno, e é você
Nada me mata como você
Você está indo direto para a minha cabeça
E estou indo direto para o limite
Escolhi meu veneno, e é você

Êxtase agridoce que você me causa
Me apaixonando profundamente, não consigo dormir hoje
E você me faz sentir como se estivesse louca
Mas tudo bem

Essa é uma das minhas canções prediletas! Adoro muito essa letra. Dá vontade de sair cantando pelo mundo afora. Talvez no começo seja pouco confusa, mas é tão viciante, que depois você gravar cada estrofe que existe… “I pick my poison and it’s you”.

  •  Ed Sheeran – All Of The Stars

I can see the stars from America
I wonder, do you see them too?

So open your eyes and see
The way our horizons meet
And all of the lights will lead
Into the night with me

Tradução:

Eu posso ver as estrelas da América
Eu me pergunto, será que você as vê também?

Então abra seu olhos e veja
Os nossos horizontes se encontrando
E todas as luzes irão te guiar
Pela noite, comigo.

É impossível falar sobre amor e não citar Ed Sheeran, é algo aleatório – já que quase todas suas músicas são românticas. “All Of The Stars” é uma canção cheia de poesia, faz viajar sem sair do lugar. E não é atoa que fez parte da trilha sonora do filme “A culpa é das Estrelas”. Verdadeiramente, arrebatador!

  • Katy Perry – The One That Got Away

In another life
I would be your girl
We’d keep all our promises
Be us against the world
In another life
I would make you stay
So I don’t have to say
You were the one that got away
The one that got away

Tradução:

Em outra vida
Eu seria sua garota
Nós manteríamos todas as nossas promessas
Seríamos nós contra o mundo
Em outra vida
Eu faria você ficar
Para não ter que dizer
Que você foi aquele que foi embora
Aquele que se foi

Acho que retratar muito bem quando um amor acabar… Você sentir bastante emoção na letra e trás até um sentimento de nostalgia. Dá até uma leveza na alma! <3

  • Christina Perri – A Thousand Years

I have died every day waiting for you
Darling, don’t be afraid I have loved you
For a thousand years
I’ll love you for a thousand more

Tradução:

Eu morri todos os dias esperando você
Querido, não tenha medo eu amei você
Por mil anos
Eu amarei você por mais mil.

Essa canção tem uma melodia e um ritmo suave. Super fofa e com uma letra bem apaixonante também! E este piano no fundo? Cativante…

São letras encantadoras, concordam? Da próxima vez será músicas brasileiras. Se você conhecer alguma com uma letra cheia de amor, compartilhar aqui com a gente! Gostou das canções que selecionei? Qual foi a sua favorita? É só deixar nos comentários!

Os covers incríveis da banda Pentatonix

Pentatonix-Christmas-2-e1419363733169A banda Pentatonix faz muito sucesso no Youtube. O grupo costumar não usar instrumentos, eles apostam no poder apenas da voz, cantando apenas na capela. Não tem como não ser lembra do Glee, né? O grupo é composto por cinco vocalistas Scott Hoying, Kristie Maldonado e Mitch Grassi, que fazem as vozes mais agudas. O trio já se conhecia desde a faculdade e fazia performances antes de conhecerem Avi Kaplan, que é o cara que faz os tons mais graves, e Kevin Olusola, o beatboxer responsável pelo ritmo. Confira alguns dos seus clipes que tem ótimos números de visualizações (uauu, é impressionante!!) e adicione a sua playlist – isso se já não estiver. Hahaha! Aperta o play:

Eles foram vencedores da terceira temporada do The Sing Off, da NBC,  um concurso para grupos que nem o deles. Só que eles acabaram alavancando o sucesso e se tornando muito conhecidos na internet, provavelmente você já ouviu o som deles, mesmo que não se lembre. Além disso, eles também tem músicas próprias (ouça The Baddest Girl e Show You How To Love).

O Pentatonix ganhou US$200.000 e um contrato de gravação com a Sony. Seu EP de estréia saiu em 2012, PTX Vol. 1, alcançou o 14º lugar na Billboard 200, e sua versão de 2013, PTX Vol. 2, estreou em 10º lugar na Billboard 200. Eles já venderam mais de 500.000 cópias.

O nome da banda Pentatonix, como sugerido por Scott Hoying, que em música é uma referência a escala pentatônica que é a denominação dada ao conjunto de todas as escalas formadas por cinco notas ou tons. O grupo acreditava que as cinco notas da escala combinavam com eles por eles serem um quinteto. Eles substituíram a última letra por um x para tornar o nome mais atraente. O quinteto deriva suas influências em música pop, dubstep, electro, country, reggae e hip-hop.


Em entrevista ao site Billboard, quando questionados sobre os planos para o futuro, o grupo foi objetivo: “Muitas turnês! Nós queremos ser capazes de nos apresentarmos mundialmente, para todos os tipos de público. Nós também estamos trabalhando em um álbum original completo”.

O grupo se uniu a um rosto conhecido na comunidade nerd/gamer, Lindsey Stirling, para produzir o cover de Radioactive, da banda de rock alternativo Imagine Dragons. O vídeo já rendeu, em ambos os canais, mais de 100 milhões de visualizações.

Um dos vídeos mais incríveis deles é esse aqui embaixo. Eles misturaram um monte de hits, mostrando toda a evolução da música, durante épocas diferentes. E usar apenas os vocais e, nada de instrumentos. Não sei como conseguem fazer sons impecáveis usando apenas a boca.

Vocês já conheciam a banda? Quais músicas mais gostam? Curte suas músicas e gostaria de ouvi-los ao vivo? Quem sabe, um dia, o Brasil esteja nos planos dessa turnê mundial, talvez até trazendo o Daft Punk e a Lindsey Stirling junto, não é? Seria demais, hein?! <3