Seis curtas legais para você assistir

large (3)Quem ai é fã de curtas metragens? Sabe aqueles filmes que são bem curtinhos e mesmo assim faz muito sucesso. É um dos meus posts favoritos – acho que já disse isso um montão de vez, né? Difícil é não amar. A maioria dos grandes cineastas e produtores de cinemas começa por curtas-metragens para depois ir para uma longa, mas há os que preferem continuar apenas nas animações. Essas animações sempre trazem mensagens positivas e muitas vezes são bem motivacionais. Hoje o post é com seis curtas legais para você assistir, tem para todos os gostos, desde um pouco de suspense e os mais fofos, que tocar lá no coração. Olha só!

♡ Slimtime

Esse curta-metragem discutir sobre estereótipos de beleza. Animação sensacional, desde parte técnica e estética até o roteiro. Slimtime é o projeto de graduação de Bertrand Avril, Pierre Chomarat, David Dangin e Thea Matland, estudantes do Supinfocom Arles, que se formaram em 2010. O curta conta a história de André, um sujeito que acompanha sua esposa numa clínica para emagrecimento e, enquanto ela está no tratamento, ele resolve fazer um tour nesse centro completamente incomum. E nós mostrar que o verdadeiro amor não tem aparência. O mais legal é como ele recebe a esposa no final.

♡ Dia de Los Mortos

Produzido por Ashley Graham, Kate Reynolds, e Lindsey St. Pierre, na faculdade Ringling de arte e design. Eis aqui um curta de animação super bonitinho sobre uma garotinha em meio ás festas do Dia dos Mortos, no México. Essa festa comemora-se entre os dias 1 e 2 de Novembro, para relembrar ás pessoas queridas que já faleceram e celebrar em sua memória, dando oferendas e boas vindas aos espíritos que vêm do Além. Nessa data, acredita-se que os mortos “retornam” ao mundo dos vivos para visitar seus entes queridos. Ela acabar embarcando na terra dos mortos. Onde ela descobre o verdadeiro significado do feriado mexicano Dia de los Muertos.

♡ Francis

“Francis” é uma curta-metragem realizada por Richard Hickey, a partir de um guião de Dave Eggars. Esta “curta” de animação, que necessitou de uma equipa de 40 animadores, foca a história cativante e tensa de acontecimentos inexplicáveis num lago, situado no meio de uma reserva natural, no Ontário. É um curta de muito suspense.

Tuurngait

É uma curta metragem animada que conta a história de um garoto que se afasta da sua aldeia enquanto persegue um pássaro e perde-se. O pai percebe que o seu filho desapareceu e vai procura-lo, antes que a neve esconda todo o rasto. Esta animação foi o trabalho de conclusão de curso de 5 estudantes de cinema em França. A equipe levou um ano e meio para finalizar a obra, o filme já foi exibido em mais de 50 festivais de cinema e até agora já ganhou 9 prêmios.

♡ Dragonboy

É um curta-metragem dirigido por Lisa Allen, Zhang Shaofu e Bernardo Warman. A história se passa em um teatro qualquer, onde um garoto vestido de dragão está apaixonado pela princesa da peça, coleguinha de cena. No entanto o dragãozinho tem dois problemas: não sabe como chegar na garota e o outro é um cavaleiro metido a “machão” que também quer conquistar a princesa, porém de qualquer jeito, passando por cima de qualquer um. Esta animação encantadora abrange muito do que você poderia esperar de uma bom filme do gênero: um cavaleiro, a princesa e um dragão. Três crianças pequeninas e uma batalha épica de amor luta e honra.

♡ A Color Of Evil

Phillip Simon e Alyse Miller criou uma divertida animação curta-metragem sobre uma menina e um demônio. Como um projeto para o Colégio Ringling de Arte e Design. Como são os demônios, seriam eles maus, horripilantes e aterrorizantes, ou seriam essas características apenas visões distorcidas pelo medo e o desconhecimento destes seres. Traz a história de uma criança que em busca de vingança contra uma patricinha invoca um demônio com a missão de aniquila-la. Mas logo ela percebe que as coisas sobrenaturais são muito diferentes daquelas imaginadas em seus sonhos e fantasia. Será que coisas doces e fofas não podem nos ferir, será que toda doçura e ternura não desaparecem quando aqueles que mais amamos são ameaçados?

Curtas são tão incríveis. Como não amar esse tipo de produção? E as trilhas sonoras é impecáveis e as imagens são muito elaboradas. Tem uns que são bem emocionantes, isso que é legal nos curtas, com uma duração tão pequena, mas que traz sempre uma boa mensagem para passar pra nós. Você gostou desses curtas? Já assistiu algum desses da lista? Conta pra gente tudo nos comentários!

Curtas metragens que você precisa assistir

curtas-metragens-video-filmeVocê é fã de curtas metragens? Como eu curto muito esse tipo de produções menores, acabei fazendo esse post, sei que muitas pessoas são fã desse tipo de produção, tanto quanto eu. O legal é, que a maioria dos roteiristas, diretores e os cineastas começaram com curtas metragens. Apesar de ter um roteiro bem menor do que um filme não deixam de ser incríveis. Fiz uma listinha com os curtas que você precisa assistir. As histórias são engraçadas, bem emocionantes e faz a gente refleti muito sobre algumas coisas da vida. Veja só!

 The Alchemist’s Letter

Escrito e dirigido por Carlos Stevens, a história gira em todo de um jovem chamado Veridian, que recebe uma carta do pai, um alquimista que conseguiu construir uma máquina que transforma qualquer coisa em ouro. A parte poética da história é que a máquina é alimentada por memórias.  O que é chato vídeo é em inglês e não tem legendas. Mas ainda assim, olhando o vídeo você consegue entender a história toda.

Monsterbox 

Monsterbox é um curta animado realizado por Ludo Gavillet, Derya Kocaurlu, Lucas Hudson e Colin Jean-Saunier, alunos recém-formados pela escola francesa Bellecour. A animação conta a história de uma garotinha que tenta conseguir casinhas de madeira para seus “bichinhos de estimação”. É simplesmente sensacional. Sem diálogos, mas de um qualidade incrível!

Cupidon

Curta produzido pelos alunos da alunos da ESMA – Ecole Supérieure des Métiers Artistiques conta a história de um cupido que não se esforça muito para unir casais. Acaba se  atrapalhando todo e causa a maior confusão nos amores.

Wanderers

“Wanderers” é uma curta de ficção-científica, criada pelo artista digital Erik Wernquist. A curta-metragem inspiradora imagina um futuro em que a raça humana partiu do planeta Terra à conquista do Sistema Solar. Wernquist recorreu a fotografias e imagens reais da NASA, às quais deu vida digitalmente. A narração do filme vem de uma gravação áudio do astrónomo Carl Sagan a ler um excerto do seu livro “Pálido Ponto Azul”, de 1994.

Hi Score

Escrito e dirigido por Mary Jane Whiting, a história conta quando uma árvore mágica pega o seu gameboy, Sam descobre que a realidade é nada menos do que a sua imaginação. É um enredo fascinante!

Taking the Plunge

Quando a proposta de casamento de um jovem é colocado em perigo, ele é forçado a mergulhar em águas desconhecidas para salvar os seus planos… E em “Taking The Plunge” é isso mesmo que acontece! Mas esperança é a última a morrer e o noivo acidentado recruta a ajuda de um pequeno polvo roxo para procurar o anel desaparecido. O vídeo de cerca de 7 minutos está repleto de pequenos detalhes e consegue transmitir, através dos movimentos, caracterização e som, várias emoções, sem ser precisa uma única palavra. Foi escrito e dirigido pelos alunos da School of Visual Arts.

E aí, vocês gostam de assistir curtas? Já assistiu algum desses curtas metragens? Qual desses foram os seus favoritos? Conta nos comentários!