Eu queria poder acreditar

texto78Há quem acredite no amor. Há quem acredite em finais felizes. Há quem acredite em metade da laranja, e que cada panela tem a sua tapa. Há quem acredite em príncipes encantados, igual os da Disney.  Há quem acredite em amor a primeira vista. Há quem acredite em destino!

Queria eu que tudo fosse verdade. Que o verdadeiro amor tivesse um final feliz. Que existisse metade da laranja, ou quem sabe a tapa da panela. E quem saber pudesse conhecer um príncipe igual o dos filmes. Queria poder sentir o amor a primeira vista. Queria poder acreditar em destino. E que cada pessoa pode ser completar igual a um quebra cabeça.

Mas a minha realidade é outra. Tudo isso talvez, seja apenas uma grande utopia. Que o verdadeiro amor talvez exista, mas não foi feito para todos. E sim, para os que saber amar de verdade. E que nem todos vão achar à metade da laranja, a maioria de nos encontraremos o nosso bagaço. E teremos que aceitar do jeito que é. Tampa da panela? Que nada! Somos um mundo repleto de frigideiras. Nem todos os homens serão “príncipes” iguais os que ser retratar nos desenhos da Disney. Os contos de fadas criaram em nossa cabeça uma visão de um amor que não existe. Nem todas as pessoas ser apaixonar a primeira vista. E muitas vezes nem o destino conspira ao nosso favor. Ser bem que eu gostaria de acreditar em todas essas coisas, e não imaginar que tudo não passar de imaginação.

Queria eu poder acreditar no amor.