Sororiedade: O que é? E como praticar no dia a dia?

Hoje é o nosso dia. O Dia Internacional da Mulher! Nada melhor que falar sobre os movimentos importantes que estão ganhando mais visibilidade como o movimento do feminismo, que com ele vem outra palavra a sororiedade: o nome pode parecer complicado, mas o conceito é bem simples: ser fraterna para com outras mulheres. Acabou ganhando ainda mais destaque por causa da Manu Gavassi, no BBB20. A cantora e influencer usou a palavra ao indicar o brother Felipe Prior para o paredão no mês passado. A participante disse ter se baseado em “questão de sororidade” para colocar o arquiteto na berlinda. Logo depois, ele a questionou sobre o que isso queria dizer e ela respondeu que ele “aprenderia isso quando saísse da casa”. Mas, afinal, o que é sororidade? 

Por incrível que pareça, as buscas pela palavra, que sequer faz parte de alguns dicionários de língua portuguesa, cresceram muito nos últimos anos, mas o termo continua causando estranhamento na maioria das pessoas. O conceito é essencial no movimento feminista para estimular o apoio entre as mulheres. A palavra vem do latim soror, que significa irmã, ou seja, sororidade é irmandade. Mas, na prática, significa muito mais que isso.

O que é sororidade?

A essência da sororidade é a união entre as mulheres. Então, praticar a sororidade também é parar de sustentar ideias que incitam a rivalidade do gênero feminino. Reflita: quantas vezes você já se pegou julgando uma mulher pelo o que ela fala ou estava vestindo ou pelo que ela fala? Quantas vezes você já ouviu que as mulheres não se gostam de verdade e só querem competir? Essa rivalidade está tão enraizada entre as mulheres – que na maioria das vezes passa despercebida e é considerada até natural.

Sororidade é sobre empatia, solidariedade, companheirismo e respeito entre as mulheres. Defende a ideia de que juntas somos mais fortes e que precisamos umas das outras para buscarmos a liberdade e os direitos que reivindicamos. As alianças são importantes para que esses estigmas e preconceitos enraizados sejam enfraquecidos.

Sororidade é também sobre ter um olhar coletivo, abraçando e considerando diferentes realidades de mulheres, de todos gêneros, cor, etnias e enfim. Veja outras mulheres como irmãs e não como rivais! Unidas somos mais FORTES!

E como eu posso praticar sororidade no meu dia a dia? Atitudes simples que fazem muita DIFERENÇA para as outras MANAS!


  • Não julgue mulheres por terem atitudes diferentes das que você teria

Não, você não precisa concordar com tudo o que outras mulheres pensam ou fazem, e muito menos forçar amizade com pessoas com quem você não tem afinidade. A questão é não detestá-la apenas pelo fato de ser mulher, ou por fazer coisas que você acredita que uma mulher não deva fazer. É não ser cruel, nem tentar sabotar ou “destruir” outras mulheres, nem achar aceitável que outra mulher sofra algum tipo de violência apenas por ter divergências pessoais ou de opinião/crenças diferentes dela. Simples assim.


  • Consuma o trabalho de outras mulheres

Valorize as histórias e as narrativas femininas. Leia o ponto de vista de mulheres. Leia autoras, veja filmes dirigidos por mulheres e/ou protagonizados por mulheres. Seja audiência para o esporte feminino (atletismo, futebol, etc). Leia a ciência produzida por mulheres. A arte produzida por mulheres. Apoie negócios locais de mulheres – compre o cachorro quente da mulher que faz no carrinho da esquina! Dê preferência!


  • Indique uma mulher

Afinal, não basta só consumir, né? Tem que divulgar as coisas boas! Conhece uma mulher super competente no que faz? Indique seu trabalho para outras pessoas quando tiver oportunidade.


  •  Ofereça ajuda e apoio

Perceba quando uma mulher está precisando de apoio e não hesite em ajudar. Pode ser uma simples conversa ou a percepção de uma situação de risco, o importante é não deixar com que ela se sinta sozinha.


  • Pare de enxergar outras mulheres como rivais

Esqueça a ideia de que você precisa se comparar ou competir com outras mulheres para ter seu próprio valor. Cada uma tem seus próprios objetivos e há lugar para todas. A união nos fará chegar ainda mais longe.


  • Reflita sobre suas críticas

Toda vez que for criticar uma mulher, pare e pense se você faria a mesma crítica a um homem. Muitas vezes não é algo consciente, mas você pode discordar não da atitude em si, mas da percepção de que uma mulher não poderia se comportar de determinado jeito apenas pelo seu gênero.


  • Mantenha-se perto de outras mulheres

Esteja aberta para aprender com outras mulheres e aproveitar sua companhia. Mulheres são e fazem coisas incríveis, e muitas vezes são pouco valorizadas e reconhecidas por isso. Ter mulheres por perto, quando a relação é saudável e livre de rivalidades, é algo que nos fortalece.


Vamos juntxs nesta corrente de sororidade? Se tem uma coisa que nós mulheres podemos, é PODER! E apoiando umas as outras, podemos muito mais além!

Fontes: Glamour e Claudia.

LEIA TAMBÉM:

8 livros incríveis escritos por mulheres que você precisa ler

30 frases de Selena Gomez que vão te inspirar todos os dias

As frases inspiradoras da Beyoncé para te motivar ainda mais

Inspiração: tatuagens desenhos de mulheres

Inspiração: tatuagens desenhos de mulheres – Parte II

Acompanhe o blog no: Pinterest – Twitter – InstagramFacebook


Comentar via Facebook

Comentário(s)

Deixe uma resposta