Ninguém vai me amar como você me amou

Você me amou do jeito que eu sou – com todos os meus defeitos, sem tentar mudar nada. Você me ensinou a não preocupar com opiniões que não agregar em nada. Você me ensinou a me amar mais. Mas não foi só isso, confesso.

Você chegou quando as coisas parecia não fazerem mais sentido, me ajudando a colocar as coisas nos eixos. Você me ensinou que “depois do inverno, sempre vem à primavera e, trazendo flores para os dias que eram cinzas”. Você sempre enxergava o lado positivo da vida. Até porque, sempre olhava com o coração. Você acreditou no meu potencial, mesmo quando parecia impossível. Você ligava todas as manhãs, somente para ouvir minha voz. Você se preocupava com minha ansiedade e me ajudava a enfrentar todos os meus medos. Ah, os medos! Dos planos que não dão certo, das incertezas da vida e das saudades das pessoas que vão embora – e levando uma parte nossa com elas… Vão embora sem ter noção da falta que vai fazer. Aliás, a mesma falta que você não me ensinou a viver sem.

A falta que é admirar a suas pequenas ruguinhas quando sorrir. Ou quando ficar horas e horas observando você escrevendo qualquer coisa. A falta que é não tem com quem dividir novas descobertas de músicas. Ou quando você recitava algum poema de Vinicius de Moraes para mim, porque nesses simples detalhes me fazia te amar ainda mais. E falta que é ter sua companhia aos domingos – simplesmente fazendo nada, dos seus beijos na pontinha do nariz, seu abraço que era meu porto seguro e da sua companhia que me deixava em êxtase. Era uma conexão de almas, que nada e nem ninguém poderia apagar.

Então é isso, você sempre vai ter um lugar no meu coração, mesmo que nossos caminhos nunca mais se cruzem. Mesmo que tenha me deixando sozinha, saindo da minha vida e levando um pedaço meu. Aliás, eu te peço que me mantenha guardada sempre nas partes mais bonitas das suas memórias, como você faz parte das minhas. Porque você me mostrou o melhor lado do amor… Pois, ninguém vai me ama como você me amou.

texto inspirado na música Nobody – Selena Gomez.


Comentar via Facebook

Comentário(s)

3 comentários sobre “Ninguém vai me amar como você me amou

  1. Luiza Coimbrao disse:

    Que texto lindo! Tem amores que nunca morrer 😊💛

  2. Camila Faria disse:

    Ai gente, tão bonito e tão triste. 🙁

Deixe uma resposta