Meu outro lado…

tumblr_lvp7ekHOUy1qe0mxuo1_500_largeEu tenho dois lados um que não acreditar no amor e outro que achar que o amor é uma plenitude. Eu sou meio termo. Às vezes nem eu consigo me entender. Sou como uma ventania ninguém saber pra onde está indo. Nem eu mesmo. Eu tenho fé nas pessoas e depois tenho muito medo delas. Eu crio o meu próprio mundo, e depois vejo que aquele é o mundo dos meus sonhos que nunca vai existir. Tem dias que eu acordo com medo, e outros dias sou capaz de enfrentar todos vilões do mundo. Às vezes eu só quero chorar sem nenhum motivo, ou gritar para que o mundo todo me ouça. Ou apenas me tranca no quarto e ficar lá mesmo. Basta apenas uma faísca para meu mundo desmorona. Queria ter as resposta para os meus problemas. Hoje nem estou pronta para ouvir as perguntas.

– Me diga qual seria o seu outro lado, garota?

– O que até eu mesma desconheço. E que muita das vezes eu tenho medo dele.

– Por que tem tanto medo dele?

– Não sei ele me assustar, moço.

– Não se assuste com esse sentimento que você desconhecer. Você só tem que aprende a afugentar seus medos.

Um dos meus lados tem coragem e outro tem medo até de uma simples borboleta. Carrego comigo o “lado bom e o lado ruim”, – mas me diga quem não é assim? Sinto o mundo desmoronando. Vejo que ele está intacto e o que desmoronar é o meu mundo.

– E o que você faz?

– Finjo que nada está acontecendo.

– Por quê?

– Gosto de guarda o que eu sinto só pra mim. Digamos que acho que as pessoas não se importam.

– Isso parece ser tão masoquista.

– Não, essa é uma fórmula para não sofrer.

Parece que quando contamos o que estamos sentindo as pessoas só ouvem, não importa com o que você está sentindo. Criamos uma sociedade egoísta onde o que importa é apenas a si mesmo, vivemos em um mundo onde as pessoas só querem alimentar o seu ego. Ninguém é tão feliz quanto parece ser. Todo mundo esconder algo. Às vezes o melhor para ser fazer é guardar o que sente. É isso que muitas pessoas fazem.

– E quando o que sente não cabe mais em você?

– Aí, eu explodo que nem um Big Bang. Mas para isso não acontece eu prefiro guardar ele bem lado no fundo e acorrenta com chaves e de preferencia joga elas fora.

Cada um de nós está vivendo a fase de transição. Descobrindo o que realmente queremos ser, e qual é o nosso objetivo para a vida. No momento tenho certeza que você, sua amiga, sua prima está vivendo essa fase. E eu também.

– E agora, você descobriu qual o seu lado?

– Não, mas é isso que estou fazendo, tentando descobrir o que realmente sou, e o que eu quero.

Enquanto isso, prefiro ir convivendo com um dos meus lados. O lado otimista que acreditar em tudo e que enfrenta todos os problemas com a cabeça erguida.


Comentar via Facebook

Comentário(s)

18 comentários em “Meu outro lado…”

  1. Adorei o texto :3
    Todos tem um lado que desconhece, eu tenho um, só não sei classificar como é.Eu sou um pouco bipolar, não sei explicar mas de uma hora para outra troco de temperamento do nada, e fico muito brava e irritada.Normalmente sou boa, simpática e um pouco maluca, mas as vezes eu fico tão diferente que nem sei quem eu sou.
    Beijos!
    ||Crazy Cake ||

    1. Eu sei como é isso, também tem dias que eu to assim. Alguns dias e acordo feliz e no outro quero dormi igual a Bela Adormecida. Acho que todos tem essas fases, quem sabe não somos que nem a lua, né?

  2. Acho que tomos temos vários lados né? Eu tenho meus momentos de “o amor dura pra sempre” e outros em que “nada é eterno”. Mas é bom que sejamos bipolares para explorarmos diferentes termos de cada assunto.

    Beijos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *