É que eu sonhei contigo

texto450Leia o texto escutando:

Era um sorriso angelical, ele tocava as minhas mãos, e beija os meus lábios. Rodopiava comigo para um lado e pra outro. Abraçava-me bem forte, e eu batia no meio dos peitos dele e dava para ouvir a batida do seu coração. Ele dizia que me amava, e queria que aquele momento se eternizasse, e me segurava pela cintura e continuava rodopiando de um lado para o outro. Eu também desejaria que aquele momento nunca mais se acabasse.  Mas havia algo estranho, eu não o conhecia ele, nunca tinha visto antes. Começou a tocar um barulho, era parecido com um despertador.  E ele ia desaparecendo, eu não conseguia mais vêlo. E apareceu uma forte neblina, e tudo ficou escuro. Aquele barulho ficava mais forte. Era tudo um sonho, ele não existia. Queria gritar minha voz não saia. Fechava os olhos e tentava volta naquele sonho, mas era tudo em vão.

O despertador continua tocando, de nada me adiantaria continua deitada naquela cama. Era tudo um sonho.  Me arrumei já estava atrasada. Peguei o ônibus, e mais um dia se passou. Voltei a dormi amanhã seria o dia da minha formatura. Porém não me preocupava! O que eu queria era poder voltar no sonho daquela noite, eu queria volta a ver o rosto dele. Senti suas mãos segurando as minhas, e senti os seus doces beijos. O que eu queria era poder dançar de novo com ele, e ouvir a batida do seu coração.

Todas as garotas estavam entusiasmadas com a formatura, mas eu não. Eu queria poder voltar para casa, e tenta voltar naquele sonho. Havia muitas pessoas na festa, a maioria eu não conhecia. Quando revirei meu rosto avistei um garoto alto e moreno, eu o conhecia de algum lugar, mas não consigo me lembra. Começo a tocar a música do meu sonho, e ele veio se aproximando em minha direção.

– Aceita dança comigo? – Disse ele.

Era ele. Fitei os olhos com os dele. O meu coração disparou muito rápido, não sentia minhas pernas, estava fora de mim. E ele ficava me olhando fixamente, não sabia o que fazer. Fiquei com medo que tudo fosse apenas um sonho. O meu medo é que ele fosse o fantasma dos meus sonhos.

– É você?

Ele não conseguia entender o que eu estava dizendo. Apenas continuava me observando.

– Eu! – Respondeu ele.

– Ah, me desculpe, estava um pouco distraída. Claro que eu aceito.

Ele envolveu seus braços na minha cintura e os meus no pescoço dele, como num laço ou enforcamento desastrado, e eu não conseguia pensar em nada. Nada mesmo. Apenas queria que aquele momento nunca mais acabasse.

– Eu te conheço de algum lugar? – Pergunto ele.

– Vai ver que foi em algum sonho?! – Respondi.

Ele sorriu para mim com um sorriso de uma criança que acaba de descobrir o mundo. O sorriso dele parecia que ele sabia que era ele, o garoto dos meus sonhos. E ele fixou seus olhos com os meus, e respondeu:

– Pena que não consigo me lembra desse sonho.

Os nossos olhos ainda continuaram fixos um com o outro, ele deu um leve sorriso. A música já tinha acabado e nós continuávamos dançando sem música. E todos na festa ficavam nos olhando.

Ele segurou minhas mãos e rodopiou comigo. Ele puxava-me e cobria-me de beijos. E começou a tocar outra música, e continuávamos dançando. E eu apenas fechei meus olhos, tinha medo que aquilo tudo podia ser apenas um devaneio. Queria pode eternizar aquele momento para sempre.

E ele continuava me rodopiando…


Comentar via Facebook

Comentário(s)

4 comentários sobre “É que eu sonhei contigo

  1. Camila Faria disse:

    Rodopiei também com esse texto delicioso!

  2. Aline disse:

    Dançar com quem amamos é maravilhoso… ótimo texto…

    http://corujicesnomundo.com.br

  3. nossa,que lindo esse texto!
    me tocou!
    Beijos!
    http://www.fashionfrisson.com

Deixe uma resposta